Quebre as regras do formigueiro

Formigas

Um dia desses voltei a ver umas formigas na cozinha. Volta e meia elas aparecem, por mais que a pia esteja seca e limpa.

Uma expressão que eu ouvi muito esse ano foi “trabalho de formiguinha”. Engraçado, né? Quando eu digo que algo não está indo como eu esperava, ou é difícil de suportar uma tarefa qualquer, me disseram, “calma, isso é trabalho de formiguinha, uma hora o resultado vem”.

Mas “trabalho de formiguinha” na realidade eu vejo como outra coisa. Continuar lendo

Um pentelhímetro mais perto de onde eu quero chegar

Régua

Crédito: trident.com.br

Todos os dias eu busco consciente ou inconscientemente alguma coisa para ser conquistada ou realizada. É o que me faz levantar da cama. É o que me faz desafiar a gravidade e ficar em pé de manhã enquanto eu tomo banho, preparo o café da manhã e vou para um emprego que ainda não é o ideal. Se eu conseguir ficar em movimento durante as primeiras horas do dia, em algum momento até a meia noite algo vai despertar uma partícula de ânimo dentro de mim. E se parecer que nada aconteceu… nada nada nada mesmo… a missão (que nem sempre consigo cumprir) é descobrir como algum detalhe do dia que passou pode se transformar em uma pequenina vitória, que me levou um pentelhímetro mais perto de onde eu quero chegar. Continuar lendo

A vida conspira a seu favor

Dominó

Em certos momentos imprevisíveis da minha vida, costumo parar por alguns minutos e fazer um pequeno balanço de tudo que aconteceu e que me fez chegar onde estou. O resultado dessa pesquisa na memória, muitas vezes, mostra que tudo está mesmo interligado: detalhes quase imperceptíveis do meu passado que me levaram a destinos que eu não imaginava.

Continuar lendo

Essa é a hora

Crédito da imagem: http://causar.net/

Crédito da imagem: http://causar.net/

Hoje, 5 de outubro de 2014, é um dia muito importante para todos. Sem querer apelar ao clichê, mas é hoje que decidimos o futuro do país e de nossas vidas.

Depois de tantas manifestações populares e nas mídias sociais do ano passado prá cá, de tanto mimimi reclamando do governo, vejo agora as pesquisas apontando para a reeleição dos nossos principais governantes. Como assim??

Continuar lendo

Quando a voz interior diz “Chega!”

Voz interior

Ei! Você aí? É! Você largado nesse sofá vendo TV! É contigo mesmo que eu tô falando!

Ficou assustado? Para de olhar pela janela, eu tô aqui na sala com você! A gente se conhece há um tempão! Sou a voz que sempre esteve dentro da sua cabeça!

É que eu falei por tanto, tanto tempo, te dei tanto conselho, mas você nunca me ouve, sempre quebra essa cara aí e me decepciona tanto, que eu resolvi dar um jeito de sair e vir aqui fora tentar te fazer me ouvir! Continuar lendo

Tenha cuidado com seus passos online

Lupa

Já parou para pensar no seu perfil construído usando mídias sociais, fóruns e etc?

Mesmo que você só “poste de vez em quando”, ou “só compartilhe algumas imagens”, ou seja lá o que for. Tudo que fazemos na Internet vai ficar lá por toda a eternidade.

Muitas empresas dedicam seu setor de RH a pesquisar nas mídias sociais a participação dos candidatos a empregos. Normalmente eles preferem contratar quem não fala mal do trabalho, quem escreve em um português correto, e também quem não xinga nem ofende outras pessoas. Continuar lendo

9 maneiras de se livrar das desculpas e meditar já

Aula de meditação

Crédito: jtrcc.org

Cientistas vêm comparando a meditação hoje com a alimentação saudável nos anos 80 e 90, e a prática de correr na rua nos anos 60 e 70. Quem está de fora não entende muito bem. “Você corre? Pra quê?”, era o que se ouvia. “Você não bebe refrigerante? Só come salada?”, era o que se ouvia. E hoje isso tudo virou “normal”. O mesmo parece acontecer com a meditação. Os que meditam agora são pioneiros de uma prática que será essencial pro nosso futuro. Muito provavelmente daqui a uns 10, 15 anos, meditar será algo tão comum quanto comer menos junk food ou se inscrever numa corrida de rua.

Passei algumas semanas imerso em estudos sobre meditação. Assisti a palestras, li vários artigos e engrenei, meditando todo dia sem falta há quase três meses, com o auxílio do app Headspace. Quem diria que o iPhone seria fundamental para o hábito de meditar.

Aqui vão alguns dos ensinamentos complementares que aprendi nas últimas semanas. Dessa vez você não vai ter desculpa para deixar de meditar :) Continuar lendo

A praia deserta da minha imaginação

Praia deserta

Fechei os olhos e fui pra lá.

Quando levantei mentalmente minhas pálpebras, estava na praia que eu tinha imaginado. Era um dia ensolarado, mas fresco. Eu estava vestido com uma blusa e calça brancas, de tecido leve. Meus pés descalços tocavam a areia, levemente úmida e quase tão branca como minha roupa.

Era como uma ilha deserta. Olhei para a esquerda da orla, depois para a direita, e não vi pessoas nem casas. As pequenas ondas que iam e vinham do mar chegavam perto de meus pés, mas não me tocavam. O mar estava calmo, e a arrebentação estava distante dali. Atrás de mim, vegetação, floresta fechada. Acima, céu azul, sem nuvens. Só azul, para todos os lados.

Mas eu sentia a luz do Sol e escutava o som do mar. O resto era o resto. Continuar lendo

A felicidade em meio à impermanência

Relogio em espiral

Há poucos dias li um artigo na web onde o autor dizia para fazer a tarefa que ele dá no final apenas num momento em que eu estivesse me sentindo bem feliz. No mesmo dia vi uma escritora oferecendo um espaço no site dela para outros escritores participarem, enviando textos para que ela analise e publique, mas ela disse: o importante é que o texto seja entusiasmante.

Aí eu parei e percebi que, nos últimos dias, estava difícil de eu me sentir feliz de verdade ou de escrever um texto entusiasmante. Precisava esperar a poeira estressante do trabalho no escritório baixar para eu poder agir.

Porque é assim. Não é porque o seu trabalho é um inferno que você precisa carregar essa carga para outros aspectos da sua vida. Não adianta também querer agir num momento em que você não esteja em equilíbrio consigo mesmo. Continuar lendo